Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Outono | Frutos secos ou oleaginosos

Os frutos gordos ou oleaginosos, como as nozes, amêndoas, avelãs, caju, pinhões, amendoim ou castanhas podem fazer parte do nosso dia alimentar ao longo de todo o ano, quer como snack, quer como acompanhamento em saladas, misturados com iogurte ou cereais. Nesta altura este tipo de alimentos ainda são mais típicos, onde se pode realçar as castanhas (se quiser ter acesso aos benefícios, dicas de como utilizar ou receitas com este alimento, carregue na imagem que aparece em baixo). Ainda assim, é muito importante termos moderação ao consumi-los, uma vez que são um um tipo de alimentos com valor energético elevado e uma fonte de gordura. 

  

 

Pode ver na tabela em baixo as diferenças nutricionais entre os diversos frutos secos e comparar o seu preço por quilo. Pode ser uma ajuda na sua escolha quando vai ao supermercado. As doses que cada um de nós deve consumir depende das suas necessidades energéticas individuais, pelo que se uma pessoa pode comer 1 dose de frutos secos por dia, não quer dizer que toda a gente possa fazer o mesmo.

 

Frutos oleoginosos_poetenalinha.gif

 

São uma boa fonte de antioxidantes, nas quais se destaca a vitamina E. São também uma boa fonte de proteínas de origem vegetal, bem como de gordura insaturada, fibra, vitaminas e minerais (magnésio, potássio, zinco). Podem utilizá-los como snacks durante o vosso dia-a-dia, entre refeições, uma vez que são bastante práticos e rápidos de preparar (podem colocar numa marmita ou em papel de prata dentro da mala :) ) Este tipo de alimentos ajudam-nos na saciedade, diminuindo por isso o nosso apetite por alimentos calóricos, ricos em açúcar ou gordura.

 

Algumas ideias para utilizar estes alimentos:

  • Nozes + queijo fresco 
  • Avelãs + peça de fruta + queijinho da vaca 
  • Maçã cozida + amêndoas 

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! 

LOGO_HORZ_P&V.png

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.